Visite também: UnderLinux ·  Dicas-L ·  SoftwareLivre.org ·  [mais] ·  Currículo ·  Efetividade ·  makerNews ·  Arduino

Crise na Fundação Krita após auditoria fiscal

Auditoria fiscal holandesa concluiu pela existência de débito de 24.000 euros da Fundação Krita.

A comunidade que desenvolve o aplicativo gráfico open source Krita se organizou na forma de uma fundação sediada na Holanda, para receber as contribuições financeiras dos interessados e repassá-las na forma de pagamentos a desenvolvedores dedicados ao projeto.

O formato escolhido para isso permitia um conjunto de incentivos fiscais, mas a auditoria das autoridades verificou uma situação que foi além dessa descrição: eles também vendiam vídeos e materiais de treinamento, o que modifica a aplicação das isenções e, para complicar a situação, faz com que a situação se torne devedora de impostos na Holanda sobre uma atividade desenvolvida na Rússia por um de seus principais desenvolvedores (sendo que na Rússia essa atividade é isenta desse imposto).

Complicado? Certamente. Mas resultou em uma conta de impostos no valor de 24.000 euros, que um contador especializado conseguiu reduzir para 15.000 euros, cobrando 4.000 euros por esse serviço.

Os meses de envolvimento com essa situação também causaram impacto no calendário de desenvolvimento, que agora recomeçou a avançar - e você pode contribuir, pelo formulário de doação presente ao final da página do link abaixo.

O Krita é um aplicativo gráfico muito interessante e que avança a passos largos, e problemas de governança são uma causa comum de crises que colocam em risco a continuidade de agremiações voltadas a atividades comunitárias.

Minha torcida é para que a Fundação Krita consiga manter todo o seu serviço em andamento e fique ainda mais sólida após a solução da crise atual mas, especialmente, para que quem contribui organizando ou dirigindo esse tipo de agremiação se inspire e tome os passos preventivos que podem garantir a regularidade e evitar esse tipo de situação.

(via krita.org - “Krita Foundation in Trouble | Krita”)

Comentar

 
comments powered by Disqus

Comentários arquivados