Visite também: UnderLinux ·  Dicas-L ·  SoftwareLivre.org ·  [mais] ·  Currículo ·  Efetividade ·  makerNews ·  Arduino

Novo corretor gramatical livre para Português

Hoje foi lançada a versão 3.6 do LanguageTool, uma ferramenta de verificação gramatical gratuita, livre e de código aberto.

Os principais atrativos deste programa são o fato de ser multiplataforma, algo fundamental para toda a comunidade Linux de língua portuguesa, e de se integrar com o Firefox e o Chrome, algo único nas ferramentas de revisão gramatical para o idioma português. É importante referir que este é o único corretor gramatical livre e compatível com o LibreOffice e Microsoft Word para Português de Portugal.

Até agora, este programa não era particularmente útil pois não estava desenvolvido o suficiente para a língua portuguesa, tanto por falta de disponibilidade de tempo do anterior maintainer, como pela complexidade da sintaxe utilizada.

Esta última versão equivale-se às alternativas existentes, chegando mesmo a superá-las em alguns pontos específicos. As principais novidades da versão portuguesa são:

* novas regras de concordância nominal geral, incluindo concordância de número e género e entre verbo e sujeito; * regras para centenas de pares de parónimos acentuados; * verificação de ‘dequeísmo’ e ‘queísmos’; * grandes melhorias na deteção e correção de palavras compostas e hifenizadas; * verificação de diversos tipos de duplicações; * verificação de erros de tipografia comuns; * verificação de problemas de semântica e validação de datas; * diversas regras para melhorar o estilo de redações, incluindo, entre outros, repetições de palavras, redundâncias, uso de clichés, deteção de frases fragmentadas ou excessivamente longas, voz passiva, etc. * suporte ao novo Acordo Ortográfico de 90 e às variantes do português utilizadas em Angola, Guiné-Bissau, Moçambique, Macau, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. * criação de diversas regras específicas para Português de Portugal, incluindo: reconhecimento de brasileirismos, colocações pronominais, uso formas compostas de verbos, utilização de artigo antes de determinantes possessivos, reconhecimentos de gerundismos, etc.; * revisão de todas as traduções da interface gráfica; * revisão das regras já existentes, melhorando a sua precisão, mensagens e sugestões de correção; * melhorias significativas no identificador de palavras e criação de um desambiguador de texto, isto é, um interpretador contextual; * melhorias diversas no segmentador de frases; * reconhecimento de expressões com múltiplas palavras; * atualizações e correções em todas as componentes linguísticas, nomeadamente: dicionários, base de dados morfológicas e sintetizadores; * preparação da variante portuguesa para correção gramatical por métodos estocásticos (via n-grams).

Outros realces desta versão, descritos pelo líder do projeto, podem ser consultados em http://forum.languagetool.org/t/ann-languagetool-3-6/1325.

Enviado por Tiago Santos (tiago·santosΘlanguagetool·org)

Comentar

 
comments powered by Disqus

Comentários arquivados